Blog

Eventos desportivos no Caminho de Santiago

Eventos desportivos no Caminho de Santiago

O Caminho é de todos e deve ser para todos. Além disso, percorre caminhos que são públicos ou de servidão (e, por isso, de "todos").

Mas a promoção de eventos desportivos e/ou motorizados (com ou sem finalidade lucrativa), no Caminho de Santiago é, somente, “falta de respeito” para com… todos… e para com todos aqueles que tiverem a infelicidade de ver a sua Peregrinação prejudicada e incomodada por provas de Trail, BTT, "desafios" 4x4 ou outro tipo de eventos que “usam e abusam”, de uma "forma tão fácil”, do Caminho de Santiago. Em algumas situações, a segurança do Peregrino pode, até, ficar em risco.

É essencial que surjam medidas, a curto prazo, que possam proteger o Caminho de Santiago de atividades díspares da Peregrinação (por exemplo, incluindo regras específicas no âmbito da Certificação dos Itinerários do Caminho de Santiago no âmbito do Decreto-Lei n.º 51/2019, de 17 de abril que impeçam a realização deste tipo de eventos) de forma a salvaguardar a segurança e a mobilidade dos Peregrinos, a Peregrinação e todo o Património que é o Caminho de Santiago.

No entretanto, apela-se a todas as entidades promotoras deste tipo de atividades, bem como aos Municípios que as acolhem (e, necessariamente, as autorizam), que possam evitar incluir nas respetivas atividades trechos do Caminho de Santiago, deixando-o para quem o vive, o sinaliza, o mantém e o torna possível: os Peregrinos.

Para que tenhamos, todos, um Bom Caminho!


×